quarta-feira, 1 de setembro de 2010

...

Quando te vejo eu sinto
Meu coração se partindo,
Na lacuna impreenchível
Sinto uma paixão fluindo,
E se eu disser que não te amo
Com certeza estou mentindo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário