quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

PECADO

Teu sorriso sereno angelical;
O teu jeito de ser, o teu olhar;
E o teu corpo formoso escultural;
É quem faz o poeta se inspirar.

Eu confesso que eu sou muito carnal;
Se tu passas, eu corro para olhar;
Me perdoe meu Pai Celestial;...
Mas se ela passar, eu vou pecar.

Só te peço meu Deus me dê perdão;
Que eu não posso mandar no coração;
Que conduz os meus olhos para ela.

E antes que o pecado me envenene
Eu te peço Senhor não me condene
Mas me ajude a viver ao lado dela.

RAFAEL NETO
19/12/2013

Nenhum comentário:

Postar um comentário